PEMBA: Gilberto Mendes anuncia relva sintética para Complexo Desportivo

O secretário de Estado do Desporto, Carlos Gilberto Mendes, diz que o Complexo Desportivo de Pemba estará pronto ainda este ano e assegura que o campo de futebol terá relva sintética. Sobre o atraso na conclusão das obras da piscina olímpica, o governante insta o movimento desportivo de Cabo Delgado a criar uma associação e a fomentar a natação nos clubes locais.

Por: Redacção

Gilberto Mendes, que falava para o programa “Cartas na Mesa” da Rádio Moçambique, garantiu para breve o envio da relva sintética a ser colocada no campo de futebol daquele complexo cujas obras iniciaram em 2007. Sempre de acordo com o governante, o piso já até existe e só está à espera de ser transportado da cidade de Maputo para a de Pemba.

Sobre o passo seguinte – após a colocação da relva – Gilberto Mendes explicou que serão finalizadas as obras de acabamento do campo, por forma a que o mesmo possa acolher jogos oficiais, em princípio a partir do próximo ano.

Vamos fazer uma uma outra intervenção a nível da zona sanitária e da electrificação do espaço, sendo que mais tarde faremos uma task-force para terminar as partes dos balneários e da tribuna que ainda não estão concluídas”, explicou o secretário de Estado do Desporto, sempre em entrevista àquela estação radiofónica.

Sabe OC-Olho Clínico que o campo de futebol do Complexo Desportivo de Pemba terá uma capacidade mínima de seis mil lugares e estará habilitado a acolher jogos do Moçambola, da Divisão de Honra e do Campeonato Provincial de Futebol.

Pavilhão pronto e piscina para mais tarde

Ainda naquele programa radiofónico, Gilberto Mendes explicou que o pavilhão gimno-desportivo do Complexo Desportivo de Pemba está na verdade finalizado, precisando apenas de alguns retoques no que diz respeito à sua protecção.

Não é muito por uma necessidade premente, de se intervir no piso do pavilhão“, afiançou, para de seguida acrescentar que “precisamos ainda fechar algumas calhas que deixam passar um pouco de água nos dias de muita chuva”.

Sobre a piscina olímpica, Mendes explicou que será a última infraestrutura a ser concluída, na medida em que, antes da mesma estar pronta, Cabo Delgado deve “tratar de ter uma Associação Provincial de Natação e clubes praticantes desta modalidade”.

Esta lógica, de acordo com o governante, é para evitar que haja um investimento avultado na reabilitação da piscina e que, no fim, não haja praticantes da modalidade de natação neste ponto do País.

O importante é que a província tenha praticantes de natação, por forma a que depois ela possa servir a comunidade. Uma piscina olímpica não é criada, nem é construída para a massificação. Uma piscina olímpica é criada para a competição”, detalhou Gilberto Mendes, por sinal antigo praticante de natação, em entrevista ao programa “Cartas na Mesa” da Rádio Moçambique. OC

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s